Translate

Pesquisar

sábado, 13 de agosto de 2011

ACM NEXO E PELEGRINO TROCAM FARPAS EM DEBATE NA RÁDIO BAHIA FM


Neto e Pelegrino antes do debate Neto e Pelegrino antes do debate
O deputado ACM Neto disse na última sexta (01), em debate travado com o
 colega petista Nelson Pelegrino no programa Fala Bahia, comandado por
 Emmerson José na rádio Bahia FM, que o PT não tem crédito para
 governar Salvador. "A grande obra do PT na nossa cidade foi cercar 
Salvador por praças de pedágio. Hoje, para entrar e sair da nossa 
capital tem de pagar, e o pior é que as rodovias estaduais privatizadas 
seguem em péssima qualidade", criticou. Neto afirmou ainda que o
 governador Jaques Wagner não ajuda Salvador, como fizeram seus antecessores.
 Clique aqui para ver as fotos do debate.
Ele citou como exemplo a segurança pública e o abandono do 
Centro Histórico. "De 2006 para cá a violência na Bahia aumentou 70% e 50% em Salvador.
 O Centro Histórico está abandonado, com mais de 120 estabelecimentos 
fechados desde 2007. A Bahia é o 5º estado em número de homicídio que não f
oram desvendados", enumerou o democrata.
Corrupção - ACM Neto também acusou o PT de ser leniente com a 
corrupção. "Nós do Democratas fomos os únicos a expulsar uma 
autoridade política de peso (o ex-governador do Distrito
 Federal, José Roberto Arruda), quando este se envolveu num
 escândalo de corrupção. E o que o PT fez? Repatriou os 
mensaleiros e, com o voto do deputado Pelegrino, impediu a
 convocação do ex-ministro Antonio Palocci (Casa Civil) para 
prestar esclarecimentos na Câmara sobre o seu impressionante 
enriquecimento, no fato que marcou os seis primeiros meses de
 governo da presidente Dilma Rousseff", salientou Neto.
Duro, Neto também lembrou que o PT quis mudar a Lei de
 Licitações para as obras da Copa esta semana, em Medida
 Provisória aprovada no Congresso. "Se não fossem as denúncias 
da oposição, o sigilo total sobre os gastos com as obras seria
 mantido, por vontade do PT", frisou. "Nunca tivemos tantos casos de 
corrupção como no governo do PT. O PT é o partido da corrupção", emendou o 
democrata.
SAIBA MAIS

Nenhum comentário:

Postar um comentário