Começaram a ser coletados hoje (23) dados para uma pesquisa nacional sobre as condições de trabalho das mulheres em instituições de segurança pública. Com as informações obtidas, a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) do Ministério da Justiça pretende elaborar políticas de valorização profissional, de promoção da saúde e da qualidade de vida para essas mulheres.
Na pesquisa, serão avaliadas as atividades feitas no trabalho, as condições enfrentadas para o desempenho das funções, a experiência, entre outras informações. Políticas de valorização profissional voltadas para esse grupo também serão analisadas na avaliação.
A pesquisa será feita pela internet, em um formulário que está sendo enviado às secretarias estaduais de Segurança Pública de todo o país. O questionário deve ser respondido até o dia 23 de fevereiro. Tanto a identificação das profissionais quanto as respostas serão mantidas em sigilo.