Translate

Pesquisar

quarta-feira, 28 de março de 2012

Famílias de baixa renda têm direito a auxílio-funeral em Salvador/Bahia

http://atarde.uol.com.br/noticia.jsf?id=5626233

O benefício é concedido pelo governo municipal, por meio da Secretaria do Trabalho, Assistência Social e Direitos do Cidadão (Setad), que oferece assistência funerária gratuita às famílias de baixa renda. Os serviços são realizados por uma funerária conveniada à prefeitura, que cuida do caixão, documentos de cartório e translado do corpo.

Segundo informações da assessoria da Setad, o único gasto da família ou responsável é com a taxa de sepultamento (de R$ 14,84) cobrada pelo cemitério e que pode ser paga em casa lotérica.
Para ter acesso ao auxílio-funeral, o responsável pelo morto precisa do encaminhamento – documento dado pelo IML em caso de morte em casa  – ou da declaração de óbito, se a pessoa faleceu em um posto  de saúde ou hospital. De posse desse documento, o próximo passo é levá-lo na Setad, onde também devem ser entregues uma cópia da identidade do morto e do responsável.

Já com o documento que autoriza a liberação do auxílio-funeral, a pessoa deve procurar uma vaga em um cemitério público, o que pode ser feito por meio do telefone. Contudo, caso não haja vaga para o mesmo dia, alguns administradores de cemitérios, como o de Plataforma, por exemplo, exige que o responsável vá pessoalmente ao cemitério no dia seguinte para verificar se há uma cova e fazer a reserva. 

Ainda de acordo com informações da Setad, após agendar  local, dia e horário do sepultamento, o parente do morto deve seguir para a funerária que a prefeitura tem convênio e entregar o documento que autoriza a liberação do benefício.

Para ter o auxílio funeral, é preciso  procurar o setor de Benefícios Eventuais da Setad, na Rua Conselheiro Saraiva, no Comércio. Contato: 3176-4757/4769

Nenhum comentário:

Postar um comentário