Translate

Pesquisar

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Os sete mandamentos do trânsito de Salvador

http://www.bahia247.com.br/pt/bahia247/salvador/7826/Os-sete-mandamentos-do-tr%C3%A2nsito-de-Salvador.htm


VEM AÍ MAIS UMA SEMANA NACIONAL DO 

TRÂNSITO NA CAPITAL BAIANA. VEJA NESSE BEM 

HUMORADO ARTIGO A DIFERENÇA ENTRE O QUE 

DIZ A LEI DE TRÂNSITO E COMO FUNCIONA NA 

CIDADE DE TODOS OS SANTOS

19 do 04 de 2012 às 15:45
Victor Longo_Bahia 247
A Prefeitura de Salvador acaba de anunciar que, em setembro, fará mais uma Semana Nacional de Trânsito na cidade. É verdade que a gente anda precisando se educar (e muito!), como os sete mandamentos abaixo mostram. Afinal, temos um dos trânsitos mais mal educados do Brasil, como indicam reiteradamente pesquisas sobre o assunto. Quem dirige na capital baiana sabe das discrepâncias que existem entre o que diz a lei de trânsito e como funciona na cidade. Vale lembrar também, no entanto, que a Transalvador tem sua parcela de culpa, por não punir quem transgride as leis, perpetuando o ciclo da falta de educação no trânsito da cidade. A iniciativa da semana nacional é bem-vinda, mas fica a pergunta: será que essas campanhas educativas são tão eficientes assim? Os sete mandamentos que o digam...
1) O que diz a lei de trânsito: Para fazer ultrapassagens, deve-se sinalizar com antecedência e respeitar a sinalização horizontal. O correto é sempre ultrapassar pela esquerda, a não ser que o carro à sua frente esteja sinalizando que vai entrar à esquerda.
Como funciona em Salvador: O que importa é o umbigo do motorista e a pressa que ele tem, o resto é o resto. Sinalizar é para iniciantes, quem já tem tempo de estrada desaprende. O que vale é mostrar que seu motor é melhor que o do babaca à frente. Que você é piloto e ele, coitado, um motoristinha maricas. Afinal, sinalização horizontal que é bom mal existe na cidade.
2) O que diz a lei de trânsito: O pedestre sempre tem a prioridade, por ser mais vulnerável. Quando há faixa de pedestres e alguém querendo atravessar, o motorista deve parar. Quando há sinalização em semáforo, o pedestre deve esperar que o sinal fique verde para ele.
Como funciona em Salvador: Na cabeça do motorista, é a lei da natureza que vale: quem tem prioridade é o mais forte. Faixas de pedestres só servem para atrapalhar o caminho do motorista e aumentar o congestionamento. Mesmo assim, as que existem estão mesmo apagadinhas, então qualquer coisa é só fingir que não viu. Na cabeça do pedestre, sinalização não existe. O que importa é achar uma brechinha para atravessar a rua e, claro, chegar do outro lado. Se morrer, morreu.
3) O que diz a lei de trânsito: Bicicletas são veículos também e, portanto, estão sujeitas às leis de trânsito. Na ausência de ciclovias, devem transitar no mesmo sentido dos veículos maiores. Os automóveis só podem ultrapassar os ciclistas a pelo menos um metro de distância.
Como funciona em Salvador: Na cabeça do ciclista, o negócio é ser radical e correr o risco de morrer mais tragicamente em uma colisão frontal. Logo, ciclista que é "retado" vai na contramão. Na cabeça do motorista, as bicicletas só servem como uma pedra no meio do caminho. O que vale é buzinar até elas saírem da frente, pois está no lugar onde não deveria, ou, quem sabe, passar por cima. No máximo, morre um pobre miserável que nem dinheiro pra financiar um veículo em 200 vezes tem. Não dá cadeia. Na cabeça da prefeitura, ciclovia é supérfluo.
4) O que diz a lei de trânsito: Em uma ladeira, a prioridade é do carro que está subindo. Em um cruzamento, a prioridade é do carro que está na rotatória (balão). Carros que vêm de vias secundárias para uma via principal devem dar prioridade aos que transitam na via principal.
Como funciona em Salvador: A prioridade está comigo e não abro. O motorista geralmente não se importa se está descendo ou subindo, se está ou não atravessando um cruzamento com rotatória. O que importa, uma vez mais, é que ele está com pressa. Afinal, se ele se jogar, quem é que vai ter coragem de se jogar também? Quem entra em uma via principal não está nem aí para os carros que vêm atrás, pois a lei diz que quem bate na traseira tem sempre a culpa.
5) O que diz a lei de trânsito: Sinal verde quer dizer SIGA. Sinal amarelo quer dizer ATENÇÃO, PARE. Sinal vermelho quer dizer PARE.
Como funciona em Salvador: Sinal verde quer dizer SIGA E, SE NÃO TIVER RADAR, PODE PISAR NO ACELERADOR SEM SE PREOCUPAR COM A VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA. Sinal amarelo quer dizer: ACELERE PARA NÃO TER QUE PARAR. Sinal vermelho que dizer SIGA. SE NÃO TIVER COM TANTA PRESSA E DER TEMPO, OBSERVE SE TEM RADAR, SE TEM ALGUÉM ATRAVESSANDO OU ALGUM CARRO VINDO DE OUTRO LADO; CASO CONTRÁRIO, SIGA, PORQUE NINGUÉM É OTÁRIO DE FICAR CORRENDO RISCO DE SER ASSALTADO.
6) O que diz a lei de trânsito: Beber e dirigir é terminantemente proibido.
Como funciona em Salvador: O motorista sai de carro, estaciona em frente ao bar, toma todas. Antes de ir embora, ele espera o amigo que não bebeu sair e avisar a ele por telefone se o caminho está livre de blitz policial. Se tiver smartphone, ele dá uma olhadinha no Twitter e no Facebook pra ver se alguém avisa onde tem blitz de alcoolemia na cidade. Ainda conta com a ajuda de outros motoristas que estão dirigindo no sentido contrário e dão sinal de luz para avisar que tem polícia logo adiante.
7) O que diz a lei de trânsito: A velocidade máxima de condução numa via varia de acordo com sua classificação, mas dentro da cidade pode ir de 20km/h a 80km/h. A velocidade mínima permitida é sempre a metade da máxima.
Como funciona em Salvador: Se não tiver fiscalização eletrônica, a velocidade máxima é quanto o motor aguentar. Se tiver radar, ele desacelera antes de passar e, em seguida, acelera de novo. A velocidade mínima é zero, especialmente se o sujeito precisa parar para alguém embarcar ou desembarcar do veículo, pegar alguma encomenda, comprar alguma coisa numa vendinha, paquerar uma piriguete (ou pirigueto!), ou mesmo gritar "Bora, Bahêa", para alguém que estiver passando. Quem está vindo atrás que se dane.

Nenhum comentário:

Postar um comentário