Translate

Pesquisar

domingo, 21 de outubro de 2012

OUTUBRO ROSA 4 MIL MULHERES FAZEM MAMOGRAFIA



O rastreamento de câncer de mama na ação Outubro Rosa, que teve inicio no dia 1º deste mês, chega hoje (19) ao seu último dia, com mais 4 mil mulheres atendidas.  Dentro da iniciativa do Outubro Rosa, a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) disponibilizou, em Salvador, três unidades móveis estruturadas para a realização de mamografias. As unidades, que atenderam mulheres de 40 a 69 anos, passaram pelos bairros do Cabula, Coutos, Cajazeiras, Pau da Lima, Stela Maris e Dendezeiros, além das Bases Comunitárias do Nordeste, de Rio Sena e do Bairro da Paz.

O Outubro Rosa é um movimento internacional que estimula empresas, população e entidades a trabalhar na prevenção e tratamento do câncer de mama. A ação teve como objetivo beneficiar mulheres com atenção integral no combate e prevenção a esta doença. A ação foi iniciada pela mamografia, mas as pacientes, caso haja necessidade terão garantidos todos os exames diagnósticos e tratamento em unidades de Alta Complexidade em Oncologia, através de procedimentos cirúrgicos, quimioterapia e radioterapia.
Dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA) apontam que a estimativa para 2012 na Bahia é que 2920 novos casos de câncer de mama sejam detectados, destes, 810 em Salvador. Por esta razão, o Governo do Estado, através da Secretaria da Saúde do Estado, em parceria com as Voluntárias Sociais da Bahia (VSBA), Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM), Polícia Militar da Bahia e as empresas da iniciativa privada Philips Helth Care e Clínica Delfin Imagem, se uniram para realizar atendimentos e incentivar a população e entidades na prevenção e tratamento do câncer de mama.
Para o tenente, Henrique Alves, da Base Comunitária do Bairro da Paz, a parceria da Sesab com a Policia Militar vem fortalecer o trabalho e a relação da PM com a população do bairro. “A base não está aqui só para garantir o policiamento, mas também para garantir apoio às ações que proporcionem mais qualidade de vida e cuidados a população das comunidades. Esta ação vem atender as necessidades da população”, afirmou Henrique Alves.
A moradora do Bairro da Paz, Maria Rosane Torres, 51 anos, está entre as mais de 450 mulheres atendidas na comunidade. Ela afirma considerar o atendimento como de alta qualidade. “Este serviço próximo da casa é muito importante, com bom atendimento e rapidez. Veio facilitar a nossa vida, porque a gente não precisa nem pegar ônibus. É uma estrutura de saúde importante que veio até a gente”, disse a moradora.
Início da ação no interior
A Sesab iniciou a ação do rastreamento do câncer de mama no Outubro Rosa de 2011.  A iniciativa já beneficiou mais de 50 mil mulheres no estado. Os exames foram realizados em unidades móveis que percorreram 63 municípios baianos. O momento também serve para alertar as mulheres para a importância da realização do exame, que deve ser feito todo anualmente, a partir dos 40 anos.
Ascom/Sesab

Nenhum comentário:

Postar um comentário