Translate

Pesquisar

domingo, 30 de dezembro de 2012

Sem gabinete, Hilton vai despachar da rua e lança candidatura a presidente da Câmara


Sem gabinete, Hilton vai despachar da rua e lança candidatura a presidente da Câmara
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias
Alheio às composições tradicionais da política soteropolitana, o vereador eleito Hilton Coelho (PSOL) decidiu neste sábado (29) lançar candidatura de protesto à presidência da Câmara Municipal de Salvador por ter sido vítima de uma manobra dos futuros colegas de trabalho. Embora na próxima legislatura o número de cadeiras tenha subido de 41 para 43, a Casa só dispõe de 42 gabinetes. Para resolver a limitação, esta semana foi feito um "sorteio", do qual o socialista não foi comunicado, e, coincidentemente, ele foi o escolhido para não ter de onde despachar. "Até me chamaram para conversar e devem me oferecer uma presidência de comissão ou algo assim. Mas nós não fazemos parte da geleia geral e decidimos nos lançar candidato", relatou Coelho, em entrevista ao Bahia Notícias, ao admitir que "dificilmente" terá algum voto além do próprio nadisputa contra Paulo Câmara (PSDB). Sobre o gabinete, ofereceram a ele uma repartição utilizada atualmente como depósito da CMS. "Acho que é uma sala da Ouvidoria. Nós não concordamos. Vamos despachar da rua, na Praça Municipal", avisou. Hilton Coelho já prepara a documentação para acionar os pares na Justiça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário