Translate

Pesquisar

sábado, 29 de dezembro de 2012

Sete juízes foram aposentados por suspeita de irregularidade em 2012


Sete juízes foram aposentados por suspeita de irregularidade em 2012
Sete juízes suspeitos de irregularidades como venda de sentenças e favorecimento indevido foram aposentados compulsoriamente após processos abertos no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) durante o ano de 2012, segundo balanço obtido pelo G1. A aposentadoria compulsória, quando o juiz perde o cargo e recebe uma parte de seu salário, é a punição máxima permitida para magistrados na esfera administrativa. Caso haja processo judicial, o juiz pode ser exonerado e perder o cargo ou ter a aposentadoria cassada. Outros dois magistrados foram punidos no mesmo ano pelo plenário do CNJ com remoção compulsória, quando há transferência para outro local, e dois com censura. Além dos 11 punidos, outros seis foram afastados preventivamente de suas funções em 2012 em razão da abertura de investigações após suspeitas de irregularidades, dois deles do Rio Grande do Norte, dois do Tocantins, um do Piauí e um do Ceará.

Nenhum comentário:

Postar um comentário