Translate

Pesquisar

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

Cai número de atendimentos nos postos de saúde, mas lesões graves no rosto aumentam


Cai número de atendimentos nos postos de saúde, mas lesões graves no rosto aumentam
Foto: Fernando Duarte/ Tudo FM
Apesar de, até o momento, ter sido registrada uma redução de 8% no número de ocorrências que demandaram atendimento médico nos postos de saúde instalados pela prefeitura de Salvador nos circuitos do carnaval, não se pode afirmar que a violência diminuiu. Isso porque, de acordo com o secretário municipal da Saúde, José Antônio Rodrigues, houve um aumento nos procedimentos do tipo buco maxilo facial – que incluem desde a perda de dentes, deslocamento do maxilar e cortes profundos na face, em geral decorrentes de golpes no rosto, como socos. De acordo com o titular da SMS, até agora foram realizadas 203 intervenções cirúrgicas para lesões dessa natureza, e 50 pacientes precisaram ser encaminhados para o Hospital Geral do Estado (HGE). Ainda segundo Rodrigues, sete mil atendimentos já foram realizados e 1.300 profissionais da área de saúde trabalham neste carnaval.

Nenhum comentário:

Postar um comentário