Translate

Pesquisar

domingo, 24 de fevereiro de 2013

Deams registram 21 casos de agressão a mulheres por dia em Salvador


Deams registram 21 casos de agressão a mulheres por dia em Salvador
Nos primeiros 50 dias deste ano, as duas unidades da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) na capital, nos bairros de Brotas e Periperi registraram 1.702 ocorrências de casos de violência contra a mulher – média de 21 casos por dia, revela reportagem de capa de A Tarde. Segundo o jornal, esse dado corresponde a 16,4% do total de 10.352 casos computados nas unidades policiais especializadas em todo o ano passado. O número de queixas em 2012 cresceu 2,8%, quando comparado às 10.064 denúncias de violência doméstica contabilizadas no ano anterior. No ranking de tipos de violências contra as mulheres, as ameaças, lesões corporais e agressões morais figuram no topo da lista. Na maioria das vezes, os autores moram sob o mesmo teto com as vítimas – são maridos, companheiros, pais, irmãos e namorados. “Elas passaram a ter coragem para denunciar por conhecerem seus direitos. Mesmo aquelas com pouco poder aquisitivo, que são as que mais procuram  a unidade, porque o primeiro apoio que têm vem da polícia", avalia a titular da Deam-Brotas, delegada Heleneci Souza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário